As verdadeiras e falsas Escolas

"Não se colhem uvas dos espinheiros nem figos dos abrolhos" (Mt7:16)

Ennio Dinucci ....

"No século XIV, apareceu na Europa Central um Grande Mestre Espiritual cujo nome simbólico era "Christian Rosenkreuz ou Cristão Rosacruz", que fundou a misteriosa Ordem Rosacruz, a respeito da qual tantas hipóteses se têm levantado, sem que algo relevante tenha chegado ao conhecimento do mundo em geral, pois ela é a "ESCOLA DE MISTÉRIOS DO OCIDENTE" e se abre unicamente para aqueles que alcançaram o estágio de desenvolvimento espiritual necessário para ser Iniciados nos seus segredos, relativos à ciência da vida e do ser.

Nos séculos transcorridos desde que foi formada a Ordem Rosacruz, seus membros têm trabalhado secreta e silenciosamente desde os planos espirituais, esforçando-se para modelar o pensamento da Europa Central, mediante as Obras de Paracelso, Jacob Boheme, Bacon, Shakespeare, Fludd e outros. Às suas atividades devemos todos nós a espiritualização da nossa ciência, antes tão materialista.

Com o início do século XX, deu-se um novo passo à frente. Ficou estabelecido que algo deveria ser feito para tornar científica a religião, assim como espiritualizar a ciência, com o propósito de, no final, ambas se harmonizarem, considerando que hoje em dia o coração e o intelecto estão divorciados. Com o propósito de proporcionar ao mundo um ensino harmonioso que satisfaça a Mente e o Coração, foi necessário encontrar um mensageiro e instruí-lo.

Era necessário que ele reunisse determinadas qualidades extraordinárias; o primeiro escolhido fracassou ao não passar por certa prova, depois de ter passado vários anos sendo preparado para esse trabalho"

O trecho acima é de autoria do Sr. Max Heindel sobre o qual recaiu a segunda escolha. Foi ele o Mensageiro escolhido e preparado pelos Irmãos Maiores da Ordem Rosacruz para divulgar seus ensinamentos, cujo intuito é o de despertar os poderes latentes do homem e de estabelecer uma união entre o coração e a mente, sem o que, segundo São Paulo, o conhecimento de todos os Mistérios é inútil.

Através dele o mundo pode conhecer algo definido a respeito da - tão falada, e ao mesmo tempo - tão desconhecida Sociedade, e por meio do estudo da obra básica monumental, "Conceito Rosacruz do Cosmos", recebida diretamente dos Irmãos Maiores da Ordem, é possível a todo o estudante interessado encontrar respostas às perguntas que assediam a todos os homens e mulheres inteligentes:

QUEM SOU EU? DE ONDE VIM? QUE ESTOU FAZENDO AQUI AGORA? PARA ONDE IREI DEPOIS DA MORTE? Graças aos seus ensinos e a sua dedicação os estudantes interessados podem contar com uma orientação segura, científica e religiosa ao mesmo tempo, que lentamente, mas seguramente, eliminará o materialismo crasso da ciência e as obscuridades do dogma religioso.

Ao grande INSTRUTOR, ILUMINADO e INICIADO pela OREM ROSACRUZ, todo o reconhecimento e gratidão dos Estudantes da Fraternidade Rosacruciana São Paulo. Rendemos a ele o preito do mais profundo respeito e gratidão, por todo o sacrifício realizado pelo bem da humanidade. Esta, um dia compreenderá a grandiosidade da alma deste autêntico Cristão que deu sua vida em prol da divulgação da verdade.

Nossa homenagem e gratidão se dirige também à figura excelsa e saudosa do nosso grande Amigo e Instrutor Professor Lourival Camargo Pereira, batalhador incansável na defesa do bem e da verdade, estudioso profundo, que com seu verbo poderoso enxertou em nossas almas o Evangelho da Vida Eterna, libertando-a do medo da morte.

O Professor Lourival foi o fundador e Instrutor da Fraternidade durante 61 anos, passando para os mundos espirituais em agosto de 1990. Foi com ele que demos os primeiros passos decisivos no estudo e entendimento da Filosofia Rosacruciana, que nos abriu perspectivas maravilhosas nunca imaginadas antes! Deus lhe pague Irmão Instrutor pela abertura de Consciência que nos proporcionou; pela amizade invariável e fraternal que sempre demonstrou praticamente por todos os seus estudantes. Oxalá possamos pagar-lhe ao menos em parte o débito contraído, conduzindo a Escola que nos fez herdeiros, dentro da linha traçada pelo seu entendimento, absolutamente fiel aos ensinos divulgados pelo Sr. Max Heindel que, com amor e carinho nos soube transmitir. Receba o abraço fraternal de todos os seus discípulos.

Este site tem por finalidade dar alguns esclarecimentos que julgamos oportunos, pois os fatos indicam que há um equivoco muito grande relacionado com o nome "ROSACRUZ". Este título misterioso tem despertado o interesse e a curiosidade de muitos investigadores e, embora seja muito divulgado na literatura esotérica do mundo ocidental, ele não representa mais - principalmente na atualidade em que o adultério filosófico tomou conta da sagrada ciência - nenhuma garantia de autenticidade.

O vinagre nunca se transformará em vinho de qualidade pelo fato de aplicarmos no recipiente que o encerra, o rótulo de uma marca de vinho consagrado pela sua alta qualidade. Mesmo que esta marca fosse registrada e os falsificadores se outorgassem direitos sobre ela, nem assim, o vinagre poderia ser considerado como vinho de qualidade, por não passar de uma degeneração do produto original.

Esse mesmo exemplo pode ser aplicado às Escolas esotéricas, pois o vinho sempre foi considerado um símbolo dessas instituições de ensino superior. O vinagre ao contrário, simboliza as falsas instituições ou pseudo-escolas que se apropriam de um ensino ou de um nome sagrado que não lhes pertence absolutamente, usando-o como se fosse sua propriedade e servindo-se dele como bandeira de propaganda para atrair os incautos e ocultar intenções puramente comerciais, que fazem a fortuna dos seus organizadores. Seguindo o exemplo de "Simão o mago", estão sempre na expectativa de um bom negócio.

Os ensinos apresentados pelas pseudo-escolas Rosacruzes não têm nenhuma afinidade espiritual e psicológica com os legítimos métodos de desenvolvimento espiritual apresentados pelos Evangelhos de Cristo e pela Ordem Rosacruz. Eles têm desviado muitas pessoas do conhecimento da verdade que, com a boa fé que caracteriza certa classe de pessoas, têm a desventura de se alistarem em suas fileiras, iludidos por uma propaganda enganosa que lhes prometem poderes ocultos, como Clarividência, Iniciação, desdobramentos, poderes psíquicos, etc.

Tudo nessas falsas escolas tem seu preço em dinheiro, evidentemente! Suas vítimas, além de pagarem taxas de inscrição, pagam por todas as instruções recebidas, convencidos de que, com tais práticas e exercícios conquistarão o Reino dos Céus ou os pretensos poderes que almejam, ignorando que esse reino prometido pelo Esoterismo só pode ser conquistado pelo sacrifício das ilusões, pelo Amor e pela Inteligência, ambos filhos da Liberdade de consciência!

A Fraternidade Rosacruciana São Paulo dedica-se desde sua fundação em 1929, exclusivamente ao ensino da Filosofia Rosacruciana e dos Evangelhos, procurando auxiliar fraternalmente a todos aqueles que se aproximam da sua Corrente.

Diz a sabedoria de todas as idades que o tempo prova a importância ou a inutilidade de todas as coisas. Só ele comprovará o valor dos ideais humanos, assim como a firmeza, o caráter e a persistência dos seus idealizadores! Será sempre o tempo que demonstrará o valor e o alcance dos ideais altruístas, ou os resultados negativos produzidos pelas falsas idéias que desencaminham e arruinam a mentalidade dos homens. É por esse motivo que os Evangelhos afirmam que a árvore se conhece pelos frutos que produz.

Uma árvore boa não pode produzir um fruto mau, assim como uma árvore má não pode produzir um fruto bom e, seguindo a mesma linha de raciocínio poderia-se afirmar que, uma Escola autêntica só pode conduzir seus estudante ao conhecimento da verdade, ao passo que uma pseudo-escola só pode promover a fraude e a mentira. É claro que tanto uma como a outra demonstram o seu valor ou a sua nulidade com o correr do tempo, as leis da natureza são sempre justas e invariáveis.

As ações humanas serão sempre a exteriorização de uma condição interna estabelecida pelas idéias, assim como o fruto é a exteriorização ou expressão máxima da árvore. O mesmo princípio rege também as Escolas Esotéricas. O que é a Fraternidade Rosacruciana São Paulo? É uma Escola constituída por homens e mulheres conscientes, reunidos em nome de um IDEAL ou VERBO que amam e respeitam, constituindo-se numa diretriz segura a todos os seus esforços, quer sejam individuais ou coletivos.

A conjugação dos interesses e aspirações superiores da coletividade, estabeleceram com o passar dos anos, uma "CORRENTE ESPIRITUAL" com grande capacidade de realização. O ocultismo da o nome de "Egrégora" ou "Alma Coletiva" a esta base de forças mentais e emocionais sabiamente acumuladas. Ela representa o patrimônio mais precioso de uma legítima Escola, pois através dela chega a cada estudante o apoio e o estimulo que cada qual necessita para alcançar o êxito. A união faz a força!

Para que esta Egrégora pudesse ser formada e constantemente alimentada, é imprescindível que esteja de acordo com a LEI, com a VERDADE e com os ensinamentos de Cristo, o Guia que rege a presente fase da evolução humana, daí a frase proferida por Ele há tanto tempo e que ainda não foi compreendida:

"Aonde dois ou mais homens se reunirem em meu nome, aí estarei eu no meio deles". Que significa reunir-se em seu nome? Significa logicamente estar de acordo com os princípios que esse nome representa, ou seja: A VERDADE, A RAZÃO, A LÓGICA, O BOM SENSO, O AMOR, A SERIEDADE, A JUSTIÇA, O ESTUDO SÉRIO, A HONESTIDADE, A FRATERNIDADE, etc.

Não é possível admitir em sã consciência que em nome de Cristo se faça negócios, se explore o próximo e se engane os desprevenidos. Uma genuína Escola esotérica só poderá chegar ao sucesso se estiver apoiada sobre os fundamentos que esse nome representa.

Os fundadores da Fraternidade Rosacruciana São Paulo, seguiram os conselhos do Mestre atendendo o seu mandamento, eis a razão do sucesso da Fraternidade através de todos estes anos; eis o motivo que a mantém viva e atuante com entusiasmo sempre renovado desde 1929. Em toda a sua existência ela nunca se desviou por um só momento dos seus objetivos mais sagrados! Nunca teve qualquer outra preocupação, a não ser a de trabalhar na Seara do Senhor ensinando a verdade que liberta e emancipa o homem, procurando convertê-lo numa nova criatura em Cristo.

A Fraternidade Rosacruciana São Paulo é uma Escola independente; não está subordinada a nenhuma outra organização. Não atende a nenhuma orientação que não seja a de Cristo e a dos Irmãos Maiores da Ordem Rosacruz, através do Sr. Max Heindel.

Seus estudantes podem proclamar em alta voz que o fruto produzido pela Fraternidade é da mais alta qualidade tendo a certeza absoluta que são do agrado do Pai Celeste. Cada irmão é a expressão ou fruto dessa grande árvore chamada "Escola Rosacruciana"; são eles que, através dos seus atos de amor, de fraternidade e solidariedade confirmam o valor da Filosofia, por terem alcançado um alto nível de Consciência e Entendimento!

A Fraternidade não cobra taxas de inscrição, não vende ensinamentos nem instruções, não faz negócios. Uma Escola Esotérica que comercializasse seus ensinos não mereceria o nome de Escola e não teria nada que valesse a pena ser pago. Também não é feita qualquer propaganda em jornais e revistas, não são dadas entrevistas em rádio e televisão; não é pedido aos seus associados que divulguem pela palavra falada ou escrita os ensinos que receberam para atrair mais pessoas.

Desde sua fundação nunca lhe faltou qualquer recurso para dar continuidade ao seu trabalho, graças a Deus e graças aos corações generosos dos seus alunos que compreenderam a necessidade de espontaneamente auxiliarem a sua Escola.

Como Instituição dos "Filhos do Fogo" (que não deve ser confundida com uma igreja) sua porta estará sempre aberta a todas as pessoas que quiserem se aproximar. Não são feitas discriminações de raça, credo, cor ou posição social. Todos são recebidos indistintamente com o maior carinho e espírito fraternal. O ensino é igual para todos, não há privilégios. Porém, é sabido que os homens não são iguais psicologicamente e que, nem todos estão preparados para receber e entender os ensinos superiores, mesmo possuindo um intelecto de primeira grandeza ou muita cultura acadêmica. É preciso não confundir conhecimento com entendimento.

Nicodemos era um grande intelecto, um doutor da lei e não entendeu a Cristo quando este lhe perguntou se lhe importava nascer de novo. Por essa e outras razões não existe a preocupação com o número de filiados. A quantidade não tem a menor importância! A experiência de muitos anos tem demonstrado que este caminho é para poucos, e que sempre é difícil caminhar por ele.

O objetivo dos ensinos Rosacruzes consiste em formar novas mentalidades alicerçadas na verdade, homens e mulheres conscientes da sua condição espiritual. Essas serão as elites que dirigirão o mundo do futuro, elites estas, não medidas pela posição social ou saldo disponível no Banco. Não! Não é a essa elite que a Escola Rosacruciana pretende dar continuidade, uma vez que, as que se apoiaram apenas nesses valores duvidosos, falharam lamentavelmente!

O mundo nunca teve tanta necessidade de lideranças autenticas como na atualidade e estas, deverão ter por fundamento uma "Pedra" chamada "CONSCIÊNCIA", cujas qualidades são confirmadas pelas ações e não por aparências hipócritas que se traduzem por um palavrório rebuscado, porém, sem qualquer autoridade moral.

Essa elite será formada por homens que conhecem a verdade e que a verdade os tornou livres, conforme a promessa formal do mais poderoso dos "Iniciadores" (Cristo). Essa elite logicamente será formada pela qualidade anímica e não personalística!

Os Evangelhos aconselham os homens a deixar brilhar a própria luz para que ela seja vista pelos homens. Ora, a palavra luz significa "Consciência" e o grau de Consciência de um homem é avaliado não só por aquilo que pensa e diz, mas sobretudo, por aquilo que ele é e faz.

Será sempre a ação que classificará ou desclassificará um indivíduo. Quando as Escrituras pedem ao homem que deixe brilhar a sua luz para que ela seja vista pelos outros homens, lhe pede simplesmente que ame ao seu próximo, que o respeite, que o trate com misericórdia, amor e espírito de fraternidade, pois apesar de todas as mazelas da falsa personalidade, eles são seus irmãos, pois todos são filhos de um mesmo Pai comum que é Deus!

Essa forma de agir, é a única que poderá da testemunho da "Luz", da Consciência gerada na base do Amor e da Inteligência. O mundo tem necessidade de exemplos e não apenas de retórica e enfeites literários que nunca saem do papel e da boca, e que nunca se confirmam por atos.

A melhor propaganda que um esoterista consciente pode fazer da sua Escola, é viver no dia a dia junto ao seu próximo, os ensinos recebidos dos Evangelhos e da Ordem Rosacruz. Para tanto, não é necessário estar falando sobre eles, causando muitas vezes um certo constrangimento ao próximo! Será sempre a ação reta, positiva e justa que dará ao discípulo a autoridade que será sentida por todos e que jamais poderá ser contestada.

A essa forma correta de agir foi dado o nome de "Espírito de Caridade", representante do próprio "Espírito de Deus" agindo através do homem; é "Amor" traduzido por atos!


Voltar     Imprimir

 
 
 
Ver mais  
 

 
Alameda Barros, 101 - SL. 11 - CEP: 01232-001 - São Paulo/SP